Jaboticabal oferece 1.246 vagas em cursos e treinamentos

Jaboticabal oferece 1.246 vagas em cursos e treinamentos

Jaboticabal oferece 1.246 vagas em cursos e treinamentos

Parceria prepara empreendedores para o aquecimento da economia brasileira;
cursos e inscrições serão divulgadas em breve

A Prefeitura de Jaboticabal assinou, nesta segunda-feira (09), o Programa de Desenvolvimento Local (PDL). O convênio viabiliza mais de 1.2 mil vagas em cursos, oficinas, treinamentos, missões, seminários e mentorias empresariais. A parceria com a Aciaja, ITJ – Instituto Tecnológico de Jaboticabal, prefeitura e Sebrae-SP viabiliza 48 ações, sendo 45 gratuitas. A agenda é destinada aos empresários e líderes das MPE e aos MEIs, com vagas disponibilizadas até dezembro.

O programa é baseado de acordo com a vocação regional, no fomento e desenvolvimento de negócios. “Jaboticabal é a primeira cidade da região a ser contemplada. A situação econômia do Brasil tende a melhorar e, quando isso ocorrer, Jaboticabal estará um passo a frente. Nosso ambiente de negócio estará mais maduro e beneficiará centenas de famílias. Fico feliz pelo Sebrae-SP, uma instituição tão séria, escolher e acreditar no potencial de Jaboticabal. Isso mostra que nosso trabalho plantado desde 2005 está no caminho correto”, comemorou o prefeito José Carlos Hori.

O programa foi criado para unir setores e agentes no desenvolvimento local, com políticas públicas, educação empreendedora e soluções setoriais. Fomentará o empreendedorismo no curto, médio e longo prazo, desenvolvendo a atividade econômica de forma sustentável, gerando renda, arrecadação, protagonismo individual e a livre iniciativa. Na região, apenas Jaboticabal, Sertãozinho e Monte Alto serão contempladas.

Um passo a frente – As vagas são voltados aos empreendedores da alimentação fora do lar e artesanato. “É um projeto ambicioso que mudará a cultura empreendedora e olha uma Jaboticabal ‘mais para frente’. O Brasil vive um momento delicado. Vamos elevar o grau de competitividade das pequenas empresas, hoje sacrificado pelo baixo poder de consumo da população. Vamos preparar os empreendedores e, quando o Brasil voltar a crescer, os de Jaboticabal já estarão preparados”, informou Carlos Roberto de Freitas, gerente do escritório regional do Sebrae Ribeirão.