Prefeitura de Jaboticabal implanta ciclofaixa

Prefeitura de Jaboticabal implanta ciclofaixa

Prefeitura de Jaboticabal implanta ciclofaixa

O projeto visa conferir a adesão dos munícipes para que no futuro possam ser implantadas ciclovias na cidade

Já pensou ter saúde, conquistar uma boa forma, economizar e ainda por cima ajudar o meio ambiente? Quem anda de bicicleta pensa justamente nisto: economiza combustível, contribui para a redução da poluição e ainda por cima fica com a saúde em dia. Visando estimular a população de Jaboticabal a usar mais este meio de transporte, super utilizado atualmente nas capitais brasileiras e há muito tempo usado na Europa, a Prefeitura de Jaboticabal vai implantar a ciclofaixa.

O espaço destinados às pedaladas será na avenida Carlos Berchieri (Marginal), da Báltico (Ford) até o Posto da Coplana. Na volta, a ciclofaixa vai até o Centro de Convivência do Idoso (Lazer na Terceira Idade), segundo informou o secretário municipal de Planejamento, André Nozaki. Ele explicou que a ciclofaixa, cuja implantação está em fase de licitação da empresa encarregada de fazê-la, terá dia e horário definido. “É um projeto piloto para sentir a necessidade de uma futura implantação de ciclovias”, explicou Nozaki.

O investimento na ciclofaixa é da ordem de R$ 300 mil, verba proveniente do Ministério das Cidades, com uma contrapartida da Prefeitura de Jaboticabal.

 Diferença entre ciclofaixa e ciclovia

 CICLOVIA: É uma via voltada para os ciclistas, nesta há uma separação física isolando os ciclistas dos demais veículos. Esta funciona todos os dias. Nela é proibida a circulação de carros, motos e pedestres. Com isso o ciclista pode pedalar com tranquilidade e segurança na ciclovia.

CICLOFAIXA: É uma faixa pintada da rua/avenida reservada aos ciclistas. E como as demais faixas da rua/avenida o tráfego de automóveis é permitido, é importante que você pedale somente na faixa que está reservada aos ciclistas, ou seja, a ciclofaixa.

Há também a ciclofaixa operacional a qual é uma faixa exclusiva para os ciclistas, instalada temporariamente durante eventos, isoladas por elementos canalizadores removíveis, como cones, cavaletes, grades móveis, fitas, etc. Estes canalizadores são removidos após o término dos eventos.

Em algumas cidades temos as ciclofaixas de lazer, que são montadas aos domingos e tecnicamente são ciclofaixas operacionais, pois são temporárias e têm sua estrutura removida após o fim do evento.