Notícia Policial
Acusado de matar a mulher morre no CDP  de Pontal
Postado em 25/06/2020

Acusado de matar a mulher morre no CDP de Pontal

A secretária Nádia de Oliveira, de 50 anos, ficou desaparecida durante dez dias em Ribeirão Preto (SP) e  depois o corpo foi encontrado  em um canavial entre Jardinópolis (SP) e Cruz das Posses, distrito de Sertãozinho (SP). O crime aconteceu em 2017.

A Polícia Civil chegou até o local por indicação do ex-marido da vítima, André Luiz Pinho Caetano, que confessou o assassinato. Ele estava internado na Santa Casa de Sertãozinho desde a data do desaparecimento, por suspeita de overdose.

A secretária tinha sido vista pela última vez deixando o local de trabalho - um hangar no Aeroporto Leite Lopes - no fim da tarde de 23 de junho acompanhada de Caetano. Câmeras de segurança do local registraram o momento em que os dois se encontram e saem de moto.

 
  •  

.



Jornal Cidades ⓒ Copyright 2020