Notícia de Pitangueiras/Taiaçu/Taiúva
Covid: Pai que perdeu filha pede liberação da vacina para crianças
Postado em 24/12/2021

Covid: Pai que perdeu filha pede liberação da vacina para crianças

Covid: Pai que perdeu filha pede liberação da vacina para crianças
 
O médico Rodolfo Aparecido da Silva perdeu a filha com apenas 7 anos, por covid-19.
O médico Rodolfo Aparecido da Silva lamentou que muitas pessoas levem como "brincadeira" a covid-19. Rodolfo perdeu uma filha com apenas 7 anos de idade, em razão da infecção causada pelo novo coronavírus. O caso aconteceu em janeiro e foi a terceira morte de uma criança por covid-19 registrada em Ribeirão Preto.
O médico era pai de Alicia da Rocha Novaes Silva. O óbito só foi confirmado pela secretaria da Saúde na última quinta-feira (22).
 
"Ela não tinha uma unha encravada. Ela não ficava doente, assim, dor de garganta, coisas de criança. Uma vez por ano tinha isso, mas nada de complicação. Nunca passou por cirurgia, nada, nada", disse o médico em entrevista para EPTV.
 
Ele conta que a situação da filha se complicou rapidamente poucos dias após apresentar os primeiros sintomas, como febre baixa, dor abdominal e vômito. Rodolfo ainda afirma que a menina apresentou pequenas lesões pelo corpo.
"Tem muita gente que dá para brincadeira e não é. É uma coisa grave. tem gente que vai passar pela covid e não vai ter nada, mas a maioria tem alguma coisa e tem sequela por covid", afirma.
Para os especialistas, crianças devem seguir os mesmos cuidados que os adultos, como manter a higiene das mãos, o uso de máscara e evitar aglomerações.
"Quanto mais um vírus se multiplica na população, maior a chance de sofrer mutações, isso é preocupante", disse o médico Marco Aurélio Guimarães.

.
.



Jornal Cidades ⓒ Copyright 2022