Notícia de Jaboticabal
É FATO ou FAKE que a Prefeitura não pagou a empresa gestora da UPA?
Postado em 19/02/2021

É FATO ou FAKE que a Prefeitura não pagou a empresa gestora da UPA?

É FATO ou FAKE que a Prefeitura não pagou a empresa gestora da UPA?
 
Empresa está com os pagamentos em dia e, na verdade, ainda deve serviços à administração municipal
A Prefeitura de Jaboticabal tem recebido questionamentos quanto a possível falta de pagamento para a empresa ACENI, atual gestora da UPA – Unidade de Pronto Atendimento de Jaboticabal, e uma possível paralisação dos atendimentos. Essa informação, no entanto, é falsa.
A ACENI recebeu, em 2020, um total de R$12.556.408,81 referentes aos serviços que seriam prestados. No entanto, a empresa comprovou, por meio de notas e demais documentação, um total de R$10.466.085,20. “Isso quer dizer que ainda havia um saldo de serviços a serem prestados mediante o que foi pago, superando a casa dos R$2 milhões”, explica o Secretário da Fazenda, Julio Rocha.
A administração ainda foi questionada sobre o pagamento dos funcionários, que não estariam sendo realizados pela falta de repasse. “Essa informação também não condiz. Uma vez que a Prefeitura repassou R$12 milhões e a empresa comprovou R$10 milhões, é uma incoerência enorme afirmar que a empresa não possui recursos para arcar com seus colaboradores”, emenda Julio.
Ainda de acordo com o secretário, o último repasse feito à ACENI foi em outubro de 2020, quando os mais de R$12 milhões haviam sido repassados. Na ocasião, em 14 de outubro de 2020, foram repassados R$1.315.421,03. Já nos meses de novembro e dezembro, o saldo remanescente de R$2 milhões foi utilizado como pagamento. “No último dia 10 de fevereiro, a ACENI apresentou as notas de janeiro. Agora, dos R$2 milhões, ainda restam R$742.295,20. Ou seja: a empresa segue no azul e qualquer afirmação de não pagamento aos funcionários por conta da falta de repasse, é uma inverdade”.
A Prefeitura de Jaboticabal solicita que qualquer dúvida seja encaminhada para o setor responsável.

.



Jornal Cidades ⓒ Copyright 2020